Releases

A ENERGIA DO FUTURO, HOJE

 

Inaugura-se hoje, em Uberlândia uma nova instalação que promove a redução das emissões de gases responsáveis pelo efeito estufa e a valorização energética do biogás produzido pela biodegradação dos resíduos acumulados no aterro da cidade.  A planta foi projetada e construída pela Energas Geração de Energia Ltda, constituída através da parceria entre a Limpebras e Asja, que escolheu por contribuir para a proteção ao meio ambiente melhorando o ar que nós respiramos.

O aterro de Uberlândia, encerrado em outubro de 2011, recebia cerca de 600 toneladas de resíduos por dia provenientes das casas de mais de 600 mil habitantes. Cerca de 2 milhões e 100 mil toneladas de resíduos atualmente presentes no aterro, fermentam e produzem o biogás, mistura gasosa composta por cerca de 50% de metano. Este gás, além de ser altamente inflamável, é muito prejudicial para o meio ambiente; o seu impacto sobre o efeito estufa é 21 vezes superior ao impacto causado pelo gás carbônico. A instalação permite captar e fazer a combustão do biogás presente no aterro evitando assim todos os problemas ligados à sua emissão descontrolada na atmosfera: os odores, perigos de incêndio e aumento do efeito estufa. Devido a sua capacidade de evitar a emissão de gases nocivos - cerca de 1,5 milhões de toneladas de CO2 serão poupadas ao meio ambiente em 10 anos - o projeto satisfaz plenamente os requisitos impostos pelo Protocolo de Quioto e, encontra-se em registro no Conselho Executivo das Nações Unidas como projeto MDL- Mecanismo de Desenvolvimento Limpo.

O sistema também utilizará o biogás produzido pela fermentação anaeróbica dos resíduos como combustível para funcionar ate 04 motores capazes de gerar energia elétrica  de aproximadamente 5 MWh, energia suficiente para abastecer uma população de 60 mil habitantes. Atualmente a planta possui um motor com potência instalada de 1,4 MWh, tendo previsto para o segundo semestre de 2012 agregar um segundo motor que trará uma potência instalada total de 2,840 MWh. Este projeto de aproveitamento de biogás é o segundo do estado de Minas Gerais e o 5º do Brasil, considerando sua capacidade instalada.

A energia comercializada, que equivale a cerca de 1.100 MWh/mês, é vendida à Companhia Energética do Estado de Minas Gerais CEMIG, através de contrato firmado por um período inicial de 04 anos.

Até 5% da energia consumida em Uberlândia terá origem no lixo, através da queima do gás metano.

 

Alguns números

           

400.000 m2                      A superfície dos Aterros

90.000.000 kWh              A energia verde produzida nos próximos 4 anos

710.000,00 ton               A quantidade de CO2 evitado na atmosfera             

18.980.806                     Barris de Petróleo Economizados

15.000                              Famílias atendidas por ano

 

A Energas desenvolve empreendimentos de redução das emissões de gases de Efeito Estufa, fundamentando-se na Captação, Combustão e Geração de Energia Renovável através do aproveitamento do biogás gerado em Aterros Sanitários.

 

 

.